Automobilismo

Pat Symonds admite decepção com temporada 2016 da Williams: ‘Não alcançamos nossas metas’

Diretor técnico reconhece que equipe de Grove ficou para trás e destacou evolução da Force India

Automobilismo POR Conteúdos Especiais
SPIELBERG, AUSTRIA - JUNE 19:  Pat Symonds of Williams looks on during a press conference after practice for the Formula One Grand Prix of Austria at Red Bull Ring on June 19, 2015 in Spielberg, Austria.  (Photo by Charles Coates/Getty Images)
(Foto: Charles Coates/Getty Images)

Nos últimos dois anos, a Williams deu um salto de qualidade e terminou o mundial de construtores no terceiro lugar. Com altas expectativas para 2016, a tradicional escuderia decepcionou, perdeu terreno em relação aos adversários diretos e ocupa atualmente o quinto lugar no campeonato. O diretor técnico da equipe, Pat Symonds, demonstrou sua insatisfação com a temporada.

Assine o EI Plus por apenas R$9,90/mês e assista ao vivo e em HD todas as etapas da Fórmula V8 e da Fórmula Renault 2.0

Para o dirigente, a Williams estagnou em 2016 e viu a Force India evoluir consideravelmente, a ponto de ultrapassar o time de Grove no campeonato.

“Acho que ficamos estagnados este ano, enquanto que outras equipes evoluíram. A Force India cresceu muito com apenas uma atualização, o que é algo bem incomum. Eles deram um grande passo em Barcelona, apesar de não ter sido tão aparente lá. Acho que eles levaram um pouco de tempo para entender como utilizar”, declarou.

Com os ótimos resultados conquistados nos últimos dois anos, a expectativa da Williams era dar um passo à frente e sonhava até em desafiar a Mercedes. Porém, o que se viu na pista foi exatamente o oposto.

“Não há dúvidas que, se voltássemos à Barcelona, seríamos um pouco mais rápidos, mas o avanço da Force India foi maior. Eles fizeram um trabalho excepcional. Acho que nosso desenvolvimento, principalmente se compararmos com 2014 e 2015, nos desapontou. Não alcançamos nenhuma das nossas metas.”

Com a grande mudança no regulamento técnico para o ano que vem, a Williams foi uma das primeiras equipes a começar os trabalhos em seu próximo carro. Porém, Symonds garante que isso não atrapalhou o desenvolvimento do modelo de 2016.

“Nós começamos a trabalhar cedo no carro do ano que vem, mas isso não é desculpa. Alguns pontos que nos concentramos para desenvolver ao longo deste ano simplesmente não deram tão certo quanto esperávamos”, concluiu.

Confira os melhores momentos da segunda corrida da etapa de Monza da Fórmula V8!


Notícias

Automobilismo

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP
 ;