Futebol Brasileiro

Após deixar comando do Rio Branco, Dodô revela estágio com Paulo Autuori no Atlético-PR

Em entrevista ao Esporte Interativo, jogador comentou a boa fase de Camilo no Botafogo, e deixou em aberto possível experiência em General Severiano

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Dodô comemorando gol com a camisa do Botafogo (Foto: Getty Images)
Dodô comemorando gol com a camisa do Botafogo (Foto: Getty Images)

por Venelouis Casagrande

Ricardo Lucas Figueredo, mais conhecido como Dodô, ou artilheiro dos gols bonito. Com 41 anos, o ex-jogador, recentemente, iniciou a carreira de treinador no Rio Negro, clube do Amazonas. Entretanto, pouco mais de um mês depois, deixou o comando da equipe. Alegando falta de estrutura, o agora técnico concedeu entrevista ao Esporte Interativo e revelou que preferiu se desligar da equipe amazonense para se dedicar a cursos.

Flamengo, Palmeiras, Santos e Cruzeiro! Esse é o G4 do Esporte Interativo. Clique e ajude seu time a subir na tabela

“Foi muita falta de estrutura. A experiência foi boa. Em relação ao trabalho. A gente conseguiu por em prática os nossos conhecimentos, mas a parte estrutural deixou a desejar. As pessoas que estavam no comando também não levavam a sério, queriam se dar bem em cima do meu nome. Estou focado na carreira de treinador, tenho estudado, feito cursos, para fazer um bom trabalho. Acreditei no convite que recebi, mas infelizmente não deu para ficar”.

Feliz com o novo momento da carreira, Dodô falou um pouco mais sobre os aperfeiçoamentos que planeja fazer para a carreira de treinador e revelou que está prestes de se juntar ao técnico Paulo Autuori para um período de experiências.

“Nos próximos dias estou a caminho do Atlético-PR para ficar com Paulo Autoriori. Já falei com ele, estou esperando um tempo no CT para ficar com ele. Já está certo. Tenho feito curso na Universidade do Futebol, fiz na CBF, estou pensando em fazer um fora do Brasil. Estou me preparando. Continuo acompanhando. Tudo aquilo que tenho feito no mundo do futebol”.

Confira abaixo a entrevista completa:

Acha que o sucesso como jogador, pode te ajudar no início da carreira como treinador?

Acho que ajuda na experiência. A gente sabe muita coisa que acontece nos bastidores, experiências boas e ruins. Mas se não souber passar aquilo que sabe para os jogadores, não adianta de nada.

Você se espelha em algum treinador?

Trabalhei com diversos, e sempre cito o Paulo Autuori. Pelo jeito que ele trabalha com os jogadores, pelo jeito sincero de lhe dar com os atletas. é um cara que vejo como perfil de bom profissional.

Jair Ventura, do Botafogo, Zé Ricardo, do Flamengo, e Roger Machado, do Grêmio, são jovens treinadores que estão pedindo passagem. Feliz com a renovação de técnicos?

Acho importante. Acho que é o ciclo natural das coisas, as coisas irem se renovando. O Jair é um cara que conhece o clube. Assim como o Zé Ricardo. São pessoas que estão aproveitando a oportunidade que estão tendo. Eles estão no caminho certo.

O Botafogo é um clube que você tem muita identificação. Caso tenha oportunidade, aceitaria um período de estágio no Alvinegro?

No Botafogo, assim como vários outros clubes, tenho as portas abertas. A forma que lhe dei com os funcionários do clube. Quem sabe um dia? Nunca se sabe, né.

O futuro repetindo o passado? (Foto: Vitor Silva e Gettyimages)
O futuro repetindo o passado? (Foto: Vitor Silva e Gettyimages)

Por falar em Botafogo, aceita dividir o posto de “artilheiro dos gols bonito” com Camilo?

Ah cara (risos), é um jogador que vem jogando muito bem. Está se identificando com o Botafogo. O Botafogo é um clube muito especial, que consegue fazer isso com os jogadores.

Quer mandar um recado para o meia?

Parabéns, Camilo. Espero que continue ajudando o Botafogo no Campeonato Brasileiro.

A cobertura completa de tudo sobre o futebol brasileiro você confere nesta terça-feira (13), às 17h, no Conexão EI, às 21h15, no Jogando em Casa, e, às 23h15, no Caderno de Esportes 2ª edição, no EI MAXX.

Modesto pede mudanças na CBF e banimento de árbitro: ‘É o descrédito do futebol brasileiro’

 

 


Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP