Futebol Brasileiro

Brasileiro trabalha como tradutor voluntário de Alan Ruschel em hospital colombiano

Rafael José afirmou que o lateral da Chapecoense está estável, mas ainda não consegue falar devido aos tubos para facilitar a respiração

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Alan Ruschel (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)
Alan Ruschel está recebendo apoio de um voluntário brasileiro (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)

Solidariedade. Empatia. Essas palavras podem representar bem o apoio importante que Rafael José, um jornalista brasileiro que mora em Medellín, tem dado a Alan Ruschel, um dos sobreviventes da tragédia aérea que envolveu a Chapecoense na última terça-feira (29). Em entrevista ao Esporte Interativo, Rafael contou como tem ajudado o lateral da equipe catarinense.

“Estou desde uma hora da tarde de ontem ajudando uma equipe médica. Meu trabalho é auxiliar o Alan (Ruschel), pedir para fazer algumas ações, como mexer o braço, perguntando se ele está sentindo dor, se está acontecendo alguma coisa, se precisa mover o travesseiro. Estou fazendo também o trabalho de ponte entre o hospital e a família. Ontem pela noite, depois de ter passado por sete horas de cirurgia, grande parte por uma cirurgia na coluna, mas também uma cirurgia plástica, ele despertou e eu precisava que ele ficasse mais tranquilo. Ele estava muito agitado, querendo mexer as pernas e os braços. Acho que depois do acidente ele ficou com receio de perder o movimento das pernas. Pedi para ele ficar tranquilo, que ele precisava confiar na equipe médica. Este tem sido meu trabalho”.

Apesar de estar lúcido, Alan Ruschel ainda não está em condições de falar. Depois de passar por um longo período em cirurgia, o jogador está acordado, porém, com tubos para auxiliar a respiração. Rafael José explicou como é feita a comunicação com ele.

“Ele não pode falar por estar entubado para respirar e ter uma melhora mais rápida, então a maioria da comunicação é falando com ele e ele movendo a cabeça, os braços, as pernas, ou mesmo com os olhos. Fica só nessa parte. Ele não pode falar por causa dos tubos, mas vamos esperar”.

Confira outros pontos da entrevista:

Família de Alan

“Eu estou conversando com a irmã dele, ela disse que o pai chegaria hoje pela tarde, mas teve um probleminha com o voo e ele vai chegar amanhã. A informação é que só o pai dele vem, a noiva está junto com os outros familiares”.

Solidariedade dos brasileiros em Medellín

“Medellín é uma cidade que tem muitos brasileiros. Quando isso aconteceu, recebemos vários comunicados pedindo que a gente fosse até os locais para ajudar, com auxílio na tradução. Brasileiro passa por muita coisa, mas quando o assunto é ajudar o próximo, a gente não nega. Eu não conheço o Alan, nunca conversei com ele, mas ele já é um irmão. Estou fazendo tudo que for possível para ser o melhor para ele”.

Confira o vídeo da entrevista:

Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP