Futebol Brasileiro

Cueva não se preocupa em ter que chamar a responsabilidade contra o Juventude

Peruano afirmou gostar de jogar com pressão

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Cueva chamou a responsabilidade para o jogo contra o Juventude (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)
Cueva chamou a responsabilidade para o jogo contra o Juventude (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)

Após ser surpreendido e perder para o Juventude no Morumbi, por 2 a 1, o São Paulo agora precisa vencer no Rio Grande do Sul por dois gols de diferença. Para isso, precisará mais do que nunca de Cueva, principal articulador da equipe e um dos artilheiros do time. O meia, com cinco gols, só marcou menos que Chávez, com seis.

O EI QUER TE CONHECER MELHOR! Clique aqui, entre para o nosso time e ainda GANHE uma vantagem no final

Em entrevista coletiva concedida na tarde desta terça-feira (20), o peruano afirmou não se preocupar com a pressão em cima dele, e prometeu chamar a responsabilidade na partida de volta contra os gaúchos.

“Gosto da responsabilidade. Eu e Chavez fizemos gols. Acredito que o time precisa criar para podermos marcar. Todos. Estou convencido que temos um bom elenco e podemos classificar. Estou muito tranquilo. Esse jogo será muito emocionante. Precisamos da vitória. É um clube grande, precisa de títulos. Vamos trabalhar pela classificação e para melhorar o que erramos”.

A preocupação aumenta ainda mais quando se vê o retrospecto tricolor como visitante na atual temporada. Jogando fora de casa, em mata-mata, o time do Morumbi ainda não venceu. Foram quatro derrotas e um empate, contando os jogos da Libertadores da América e as quartas de final do Campeonato Paulista.

“Estamos dois gols atrás. Mas o São Paulo é grande e tem de se comportar assim, sempre respeitando o rival. Depois, temos de buscar a classificação. Preocupa, sim, não vou mentir, porque estamos dois gols atrás. Se fosse em casa teria o nosso estádio e a torcida, mas as coisas estão feitas. Agora temos de ganhar e fazer nosso trabalho da melhor maneira”.

Fora isso, Cueva afirmou ainda que o Tricolor é um time grande e tem que jogar como tal. Para ele, os jogadores tem que colocar na cabeça que estão no São Paulo, e não em qualquer clube.

VEJA MAIS! Dirigentes ressaltam sucesso dos Jogos Paralímpicos e tentam explicar resultado abaixo do esperado! 


Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP