Futebol Brasileiro

Dirigente do Audax-SP confirma Sidão no São Paulo em 2017; goleiro assina após o Brasileiro

Botafogo demorou para agir, Tricolor aproveitou a oportunidade e vai ter o jogador; segundo apurações do Esporte Interativo, contrato vai ser de dois anos

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Sidão está prestes a sair de cena do Botafogo (Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)
Sidão faz seu jogo de despedida contra o Grêmio (Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)

por Venê Casagrande

A novela Sidão chegou ao seu fim. O goleiro de 33 anos faz o seu jogo de despedida do Botafogo contra o Grêmio no próximo domingo (4) e depois segue à Terra da Garoa para vestir a camisa do São Paulo. Com vínculo com o Audax-SP, o jogador está emprestado ao Alvinegro até o fim desta temporada.

Como o Botafogo demorou a agir para entrar em acordo com o Audax-SP, o São Paulo foi atrás de Sidão, a pedido de Rogério Ceni, técnico do Tricolor em 2017, e fechou com o clube do interior para ter o goleiro por duas temporadas.

Em conversa com o Esporte Interativo, Nei Teixeira, um dos dirigente do Audax-SP, não deixou dúvida e afirmou com todas as letras o acordo com o São Paulo, mas não confirmou o tempo de contrato de Sidão com o Tricolor, que será de duas temporadas, segundo apuração da reportagem.

“Não tem dúvida. O que posso confirmar para você que tem um acerto nosso com o São Paulo. Esses outros detalhes (quando vai assinar contrato) vão ficar com o agente do atleta com o São Paulo. Da nossa parte que posso passar é que tem um acordo. Acabei de conversar com Mário (Teixeira), nosso investidor. Essa posição que a gente tem para passar para vocês agora. Então, essa parte contratual do atleta com o São Paulo não tem uma participação direta nossa, né. Isso fica por conta do representante do atleta e o São Paulo. O que posso confirmar é que o acerto entre Audax-SP e São Paulo está confirmado”.

Confira abaixo a entrevista completa:

Esporte Interativo: Existe a chance de Sidão não ter gostado da proposta do São Paulo?

Nei Teixeira: Eu te faço uma pergunta então: quem não gostaria de receber uma proposta do São Paulo, né? (risos). É um clube que sempre tem levado atleta para a seleção brasileira, que tem uma vitrine muito boa. O Botafogo também é assim. O desejo do atleta era ficar, claro. Mas a indecisão do Botafogo acaba deixando o atleta um pouco inseguro. Essa demora e indecisão do Botafogo deixam o cara inseguro. Agora, imagina, o Rogério Ceni, que foi goleiro, entende da posição, e pede o jogador, acho que isso muda qualquer sentimento. Sidão esteve lá (Botafogo) durante todo o campeonato, e dia 20 ainda não tinha uma decisão se ele ficaria ou não no Botafogo.

Esporte Interativo: O contrato de Sidão com o Audax-SP tem data definida para ser assinado?

Nei Teixeira: Isso (data) a gente deixou para Sidão. Ele tem um jogo muito importante no domingo, contra o Grêmio. Pode garantir o Botafogo na Libertadores, e passado isso, ele pode resolver tudo, sentar com o São Paulo e resolver todos os detalhes.

Esporte Interativo: Você confirma que o Audax-SP vai receber R$ 300 mil e mais jogadores por essa ida do Sidão ao São Paulo?

Nei Teixeira: O valor não gostaria de comentar e mencionar. O mais importante não é o valor e sim a porta que abrimos no São Paulo. Já temos parcerias com Palmeiras, Santos, e Corinthians. Agora fechamos essa parceria com o São Paulo.

Esporte Interativo: E quantos jogadores vocês vão receber? Existe o número mínimo e máximo de atletas que o São Paulo irá ceder?

Nei Teixeira: Não tem acordado. Mas podemos chegar a atingir ao número de quatro jogadores. Foi um acordo de cavalheiros entre Leco (presidente do São paulo) e seu Mário Teixeira (investidor do Audax-SP).

Esporte Interativo: Como você avalia a negociação entre Audax-SP e São Paulo?

Nei Teixeira: Não é uma questão apenas com Sidão. É uma questão que o Audax-SP abriu portas com o São Paulo, clube que ainda não tínhamos uma conversa e abrimos porta lá.  Para um projeto a longo prazo, vai ser muito benéfico para nós.

 


Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP