Futebol Brasileiro

Há 53 anos, Santos conquistava virada histórica sobre o Milan rumo ao título mundial

Sem Pelé, Peixe conseguiu uma virada para 4 a 2 após ir para o intervalo perdendo por 2 a 0 no Maracanã

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Maracanã teve aproximadamente 150 mil torcedores para a partida entre Santos e Milan (Foto: Getty Images)
Maracanã teve aproximadamente 150 mil torcedores para a partida entre Santos e Milan, no Mundial de 1963 (Foto: Getty Images)

O dia 14 de novembro traz na memória do torcedor santista uma das maiores viradas da história do clube. Após perder o primeiro jogo do Mundial de 1963 para o Milan, na Itália, o Peixe veio ao Maracanã – que teve cerca de 150 mil pessoas – com esperança de uma vitória para forçar o terceiro jogo da decisão do torneio.

Flamengo, Palmeiras, Cruzeiro e Vasco! Esse é o G4 do Censo do Esporte Interativo. Clique e ajude seu time a subir na tabela

E essa esperança veio com um grande desafio, já que o Alvinegro não contava com Pelé, Zito e Calvet. E se parecia difícil a tarefa, no primeiro tempo ficou mais ainda. Afobado e nervoso, o Peixe foi ao vestiário após sair da etapa inicial perdendo por 2 a 0, gols de Mazzola e Mora.

No segundo tempo, no entanto, a história foi outra. Sob forte chuva, mas com excesso de disposição, de acordo com relatos da época, o Santos sobrou em campo e aplicou a virada para 4 a 2 em apenas 22 minutos.

Logo aos cinco minutos, Pepe acertou cobrança de falta e marcou o primeiro do Peixe. De cabeça, Mengálvio empurrou para o gol, mas Almir Pernambuquinho tocou na bola e o tento foi dado ao substituto de Pelé. A virada veio com Lima, aos 18 minutos, e o Canhão da Vila Pepe sacramentou a vitória santista aos 22.

Com o triunfo, o Peixe forçou o terceiro jogo, também disputado no Maracanã, dois dias depois, e uma nova vitória sobre os italianos – dessa vez por 1 a 0, com gol de Dalmo – deu o título mundial ao Peixe, o segundo consecutivo, já que em 1962 a equipe de Pelé e cia. bateu o Benfica.

A cobertura completa de tudo sobre o futebol brasileiro você confere nos canais Esporte Interativo.

Ricardo Oliveira afirmou que não pensa em ser técnico após encerrar a carreira


Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP