Futebol Brasileiro

Jogador do Guarani pega 6 meses de suspensão por agredir árbitro

Bugre foi punido com perda de mando de campo

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
guarani
Zagueiro Ferreira não deve permanecer no clube em 2017 (Foto: Reprodução/ Guarani FC)

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou na tarde desta sexta-feira (25) o Guarani e o zagueiro Ferreira. O clube, por conta da confusão envolvendo torcedores e policiais na derrota por 3 a 0 para o Boa Esporte na final da Série C, perdeu apenas um mando de campo, além de uma multa de R$20 mil. Já o defensor, que agrediu o árbitro Marcos Mateus Pereira após ser expulso, pegou um gancho mais pesado: seis meses de suspensão.

R$ 0,01/DIA! Essa é a Black Week do Esporte Interativo. Assista a Champions League, NFL, E-League e muito mais! Assine aqui

Confira a agressão de Ferreira ao árbitro da partida

Para Horley Senna, presidente do Bugre, o clube saiu no lucro. O mandatário da equipe de Campinas criticou os torcedores que causaram a confusão com os policiais.

“Saiu barato para o Guarani, mas vai comprometer os cofres do clube. Obviamente vamos recorrer. Vou fazer um apelo para que a torcida se conscientize, porque um erro não justifica outro. A polícia não foi equilibrada, mas não justifica a torcida fazer o que fez, principalmente a questão do sinalizador. O Guarani é mais uma vez prejudicado por alguns incoerentes que levam para dentro de uma partida um objeto banido do futebol”.

Agora, o setor jurídico do Guarani pretende recorrer em segunda instância. No julgamento desta sexta, os advogados usaram fotos para argumentar, principalmente na briga envolvendo seus torcedores. Já no caso de Ferreira, o clube prometeu que dará todo o auxílio ao atleta, mesmo não estando mais no elenco em 2017. Foi o que afirmou Horley por telefone ao GloboEsporte.com.

“Do Ferreira foi pesado, mas é o mínimo. Ele se defendeu, eu fiz a defesa, teve testemunha também. O próprio relator e auditores disseram que era lamentável afastar o profissional por um período tão grande, mas era o mínimo de acordo com o código. Vamos brigar pelos 20 mil, pelo recurso e também pelo Ferreira. Vamos fazer nossa parte”.

O Bugre deve cumprir a ordem do STJD de jogar fora de casa já na primeira rodada da Série B do ano que vem. Além disso, o clube ainda tem que cumprir outra suspensão por confusão na partida contra o ASA, pelas quartas de final da terceira divisão. Assim, se o Guarani não conseguir anular a punição, irá jogar as duas primeiras partidas da competição como mandante em algum estádio a 100 km de Campinas ou no Brinco de Ouro com portões fechados.

A cobertura completa de tudo sobre o futebol brasileiro você confere nos canais Esporte Interativo.



Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP