Futebol Brasileiro

'Não teríamos condições de jogar a última partida', diz Alex em nome do elenco colorado

Meia do Internacional afirmou que o grupo está muito abalado pela tragédia que acometeu a Chapecoense, porém, se tiverem que entrar em campo, vão jogar

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Jogadores reunidos na sala de coletivas (Foto: Divulgação/Internacional)
Jogadores reunidos na sala de coletivas (Foto: Divulgação/Internacional)

O elenco do Internacional se reuniu nesta quinta-feira (1º) para declarar todo o seu apoio à Chapecoense. Com os experientes Alex e Ceará como porta-vozes, o grupo afirmou que se sensibiliza com a tragédia e que estão abalados. Para o meia, eles não têm condições emocionais de atuar na última rodada do Brasileirão, contra o Fluminense.

“O fato é muito maior do que qualquer situação. Em solidariedade a todos da Chapecoense, aos familiares das vítimas e dos sobreviventes, que se envolvem com a Chapecoense, a cidade de Chapecó. A gente quer dizer que se fala muita coisa, mas, para ser bem direto, não se compara às situações e o momento mais do que excepcional de tristeza. O campeonato fica nessa dúvida. Não tem tabela, não tem nada. A gente gostaria de deixar bem claro, por uma questão de respeito e emocional, que não teríamos condições de jogar a última partida. Como somos profissionais, respeitamos hierarquias, leis e regras. Se houver, vamos cumprir. O nosso sentimento com a situação toda, pelo que sentimos, é de não ter rodada”.

Outro que tomou a palavra para demonstrar apoio ao clube catarinense foi Vitorio Piffero. O presidente do clube fez coro aos seus jogadores e afirmou que por ele não teria mais futebol no Brasil em 2016.

“O Inter apoia a manifestação dos jogadores. Estamos abalados por essa catástrofe. Podia ser com qualquer um. Estamos permanentemente nesses trechos (de viagem). Isso aumenta nossa dor. Temos muitos amigos, nos solidarizamos. (Chapecó) É uma região de colonização gaúcha. Temos um sentimento que não pode mais ter futebol em 2016. A perda é muito grande, mas ficamos sujeitos às ordens da entidade”.

Com o Internacional atualmente na zona de rebaixamento, caso a última rodada não aconteça, a equipe não teria mais chances de se salvar da Série B.



Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP