Futebol Brasileiro

Prestes a ter impeachment votado, presidente do Corinthians pede 'bom senso'

Roberto de Andrade demonstra expectativa positiva em permanecer no cargo, nega irregularidade e culpa 'meia dúzia' por ambiente tumultuado

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Roberto de Andrade sofre pressão para deixar o cargo de presidente do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)
Roberto de Andrade sofre pressão para deixar o cargo de presidente do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)

À espera da votação que definirá se vai sofrer impeachment da presidência do Corinthians, Roberto de Andrade segue confiante. Acusado de ter fraudado atas de assembleias da Arena e cometido irregularidade no fechamento do contrato do estacionamento do estádio, o mandatário vai saber se permanece ou não no cargo na próxima segunda-feira (20), em votação de conselheiros, mas demonstrou tranquilidade, em entrevista concedida ao Globoesporte.com.

A Liga dos Campeões está de volta! Todos os jogos da fase final você só assiste aqui! Garanta por R$ 9,90/mês!

“A expectativa é a melhor possível. Todos os conselheiros receberam a conclusão da comissão de ética dizendo a verdade do que houve: que eu assinei (as atas e o contrato) quando era presidente. O motivo alegado era esse. Entendo que isso está sanado. A gente conclui que os conselheiros terão bom senso, pensarão no Corinthians e deixarão o presidente seguir seu trabalho, como foi eleito pela maioria dos sócios para cumprir os três anos”.

Faltando ainda cerca de um ano para o encerramento formal do mandato, Roberto de Andrade ainda opinou que as acusações não teriam fundamento estritamente legal, e que são baseadas em interesses políticos nos bastidores do Corinthians. Para ele, o problema está em “meia dúzia” de conselheiros dentre os 341 que participarão da votação do processo de impeachment.

“Já está provado que eu não fiz irregularidade alguma. É uma questão política. Faz quatro meses que, por conta de meia dúzia (de conselheiros), o Corinthians está parado, estacionado, nada acontece por aqui por conta dessas confusões. Repito: é uma meia dúzia que quer tumultuar o ambiente e a política”.



Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP
;