Futebol Brasileiro

Tite no Jogando: Zico superior a Messi, aposentadoria após 2018 e Neymar fora de série

E mais: técnico da Seleção relembrou toda a carreira, falou sobre o momento na Seleção e afirmou que Neymar é o melhor jogador que ele já treinou

Futebol Brasileiro POR Futebol Brasileiro
Técnico da seleção brasileiro foi o convidado do Jogando em Casa desta segunda-feira
Técnico da seleção brasileiro foi o convidado do Jogando em Casa desta segunda-feira

Tite esteve na noite desta segunda-feira nos estúdios dos canais Esporte Interativo. O técnico da seleção brasileira participou do programa Jogando em Casa e não fugiu das perguntas dos comentaristas Vitor Sérgio Rodrigues, Leonardo Baran, Mauro Betting e Andre Hennig.

Quer receber as principais notícias de Real Madrid e Barcelona, DE GRAÇA, pelo seu Messenger do Facebook? Clique aqui agora!

O comandante do líder das Eliminatórias falou sobre os mais variados assuntos e com respostas reveladoras.  Tite afirmou, por exemplo, que considera Zico melhor do que o cinco vezes melhor do mundo Lionel Messi. O treinador ainda revelou que se aposenta caso conquiste a Copa do Mundo de 2018 e elegeu Neymar como o melhor jogador com quem já trabalhou.

Confira o bate-papo do técnico da seleção brasileira no Jogando em Casa:

Conversa antes da estreia com o Equador 

Foi um momento muito difícil. A gente só consegue colocar para fora quando tem um bom ambiente, e a gente percebe a energia. Como aqui no Esporte Interativo. Quando entrei no estúdio, fiquei à vontade em cinco minutos. Vocês deixam as pessoas à vontade. A contribuição que fiz naquele momento foi de passar a tranquilidade para eles naquele jogo. Mas, confesso que essa tranquilidade eu não tinha. A expectativa para esse jogo era muito grande.

Enfrentar a Alemanha

O Brasil está se preparando e se consolidando como equipe. Um dos processos é enfrentar as grandes seleções, principalmente nas casas delas. Se for para enfrentar a Alemanha lá, nos vamos enfrentar a Alemanha lá.

Preparação para um jogo

Eu coloco para os atletas que temos que estar preparados para todas as situações. Durante o jogo, precisamos estar preparados para estar vencendo e também perdendo. Se fizer o gol no primeiro minuto, eu não posso falar aqui o palavrão que falam com eles, mas eles não podem botar o bumbum lá atrás para administrar o resultado. E se tomar o gol, não é para se desesperar e achar que as coisas vão acontecer de qualquer forma e de qualquer jeito. É para manter o nível de concentração alto e também o desempenho em alto nível. Ganhando, perdendo ou empatando, é importante estar jogando bem. Vai perder? Vai. A partir daí a gente diagnostica. Competência e excelência também é saber os motivos pelos quais se perde, se empate e se ganha.

Capitão

É uma honra ser capitão de uma equipe. Existem algumas características de liderança: tem a liderança técnica, tem a liderança no aspecto de comunicação, aqueles que se tornam porta-vozes do que time e técnico estão sentindo, e a liderança competitiva, que é aquele jogador que dá a alma jogando. Nesse sentindo, é importante dar a responsabilidade para o atleta e ver o quanto que ele pode crescer com esse peso. Só não dou a liderança para algum jogador se ele não se sentir confortável com isso.

Brasil fora da Copa das Confederações

Não sei se é melhor ou pior. Mas, eu gostaria de ter participado. Seria mais tempo com os atletas e eu queria ter participado desta competição.

Salvador da pátria?

Não esperava o sucesso rápido não. Se eu dissesse que esperava o desempenho e resultados estaria mentindo tanta para vocês quanto para mim. Estou surpreso e também feliz. Não sou também o salvador da pátria. Não é falsa modéstia, mas não há nenhum técnico que não tenha a qualidade nos atletas para que ele possa desenvolver uma boa campanha.

4-1-4-1

Entendo que uma composição criativa de quatro homens no meio de campo é a grande contribuição em termos tático que dei à Seleção. Hoje a Seleção joga com jogadores de criação. Você só consegue finalizar, ser efetivo, ter melhores escolhas e organização se você tiver uma composição no meio campo que te permita isso. Dá para ter o Coutinho por dentro, porque estou o observando no Liverpool e aí tem o Douglas Costa na ponta-direita. Eu não lembro de nenhuma grande seleção mundial que não tenha um meio campo forte e criativo.

Acompanhamento Paulinho, Renato Augusto e Giuliano

Tem um trabalho nosso de acompanhamento em diversos os aspectos. Por exemplo, eu digo para o Fábio Mahseredjian que eu quero a total avaliação física. Eu quero níveis de força, condicionamento físico, percentual de gordura… tudo do Paulinho. Não dá para admitir alto nível, se não tiver na plenitude da sua forma. Assim como Gil, assim como Renato Augusto. Então, tem toda uma avaliação anterior: médica, física e clínica. Isso para saber em que nível eles se encontram. Segundo, tem acompanhamento deles nos jogos, do momento técnico. Terceiro, do nível de enfrentamento que eles tem. Eu sei que é um nível de enfrentamento um pouco abaixo, mas temos que ver a qualidade. E o Paulinho é um dos destaques da equipe. Foi campeão, agora, de novo, fazendo gol. A mesma coisa do Giuliano. O pessoal se surpreendeu pelo o que ele jogou contra a Bolívia. Para mim, não foi surpresa. Porque eu também conheço o potencial do atleta.

Posicionamento de Phillippe Coutinho em campo

Uma das conversas que eu tive com o Klopp, eu perguntei para ele se o Coutinho tinha jogado na função do Lallana. E o Klopp disse que ele poderia jogar em termos ofensivos. E no jogo seguinte, o Lallana machucou com 15 minutos e ele colocou o Coutinho por dentro. E colocou mais um jogador de beirada. Essas adaptações podem vir a acontecer, sim, porque o Coutinho tem muita qualidade e pode vir a jogar ali.

Argentina

Quero a Argentina na Copa. É melhor ter alto nível sempre. A gente só rivaliza com quem a gente admira.

Aposentadoria após a Copa da Rússia em 2018

Se eu for campeão mundial, darei um tempo à minha família, virarei comentarista esportivo… não sei. Vou ter chegado ao topo da montanha.

Melhor jogador que já treinou

O melhor é o Neymar. Ele pode ser reativo, mas não se omite. Pode dar pancada, ele não se omite, ele não pipoca. Ele é vertical, vai para o gol. Ele é um menino, que mesmo eu conhecendo agora, eu percebo que ele deixa os outros à vontade, extremamente carismático. O repertório que ele tem de assistência e finalização é incrível. Eu peguei o Ronaldo no final da carreira, sem as condições físicas. A capacidade dele de enxergar o jogo e também de finalização era surreal. As vezes eu nem entendia o que ele fazia em campo, deixava os outros na cara do gol. Imagino como era quando ele estava fininho, com capacidade de jogar no um contra um. Mas, desses todos, o mais completo e em melhor condições é o Neymar.

Neymar fora do série

Das pessoas que estão nos assistindo, todo mundo já teve um dia 24 anos. Eu peguei nossos atletas do ataque e falei: ‘Vocês estaram sendo constantemente provocados. Isso porque vocês são jogadores criativos. Por vezes a estratégia do adversário cometer faltas, as vezes o árbitro vai errar. As vezes, os caras vão provocar vocês mesmo, porque entende-se que o brasileiro reage muito rápido à provocação’. Uma vez, eu fui falar com o Bianchi, no La Bombonera, no Boca, e ele me disse que estava espantando porque meu time se mantinha calmo, enquanto os times brasileiros perdiam o foco com muita facilidade. Aí eu digo para os jogadores: ‘Esqueçam os adversários, esqueçam o árbitro e vão jogar.’ Se nós jogarmos a bola que sabemos jogar, assim podemos tirar proveito, é o que sabemos fazer de melhor.

Melhor time que já treinou

Coragem do Caxias de enfrentar o Grêmio e ser campeão Gaúcho. Transições do Grêmio de 2001. Efetividade do Internacional de 2009. Frieza do Corinthians de 2012 junto da criatividade do de 2015. Não sei se é melhor ou pior. Mas, eu gostaria de ter participado. Seria mais tempo com os atletas e eu queria ter participado desta competição.

Cristiano Ronaldo

Fecharia todos os links para a bola não chegar no Cristiano Ronaldo, porque ele é terminal, ele é gol, ele é vertical. Ele vai para dentro. Ele não tem essa de tocar para o lado… ele é decisivo. A bola não pode chegar nele. Se chegou ali é perigo iminente.

Neymar melhor do mundo?

Ele vai chegar antes do que os outros chegaram. A diferença são cinco anos para um e sete anos para o outro. A questão é de tempo. Acho que é muito mais por parte da mídia… eu se fosse ele iria muito mais pela busca do crescimento. Se eu fosse ele eu diria assim: o meu tempo vai chegar. Um tem trinta e o outro vai fazer trinta e dois. Outro que disputa é o Griezmann. Eu procuro outro da mesma geração… o Bale não tem o talento, ele tem a corrida, a finalização, mas a lucidez, a criatividade, o improviso… o Griezmann tem. O Neymar tem. É uma outra alçada. é um nível superior.

Tite descreve características de CR7 e diz o que tem que ser feito para parar o craque



Notícias

Futebol Brasileiro

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP