Futebol Nordeste

Após tragédia da Chapecoense, Santa Cruz cancela treino e decreta luto de três dias

Tricolor do Arruda também prestou homenagens à Chape nas redes sociais

Futebol Nordeste POR Futebol Brasileiro
(Foto: Facebook/Santa Cruz)
Santa Cruz também prestou homenagens à Chapecoense nas redes sociais (Foto: Facebook/Santa Cruz)

Por conta do trágico acidente de avião envolvendo a equipe da Chapecoense e profissionais que estavam a caminho da Colômbia para a final da Copa Sul-Americana, o Santa Cruz cancelou o treino desta terça-feira (29) e decretou luto oficial de três dias no clube. O Tricolor também divulgou uma nota de pesar, incluindo a palavra do vice-presidente Constantino Júnior, que lamentou o ocorrido e prestou solidariedade às famílias.

Confira a nota na íntegra:

“O Santa Cruz Futebol Clube e sua torcida estão de luto. A tragédia que matou praticamente todo o time da Chapecoense atingiu todo o futebol brasileiro. A gentileza e a cortesia das pessoas que fazem a ‘Chape’ diferenciam esse clube num cenário esportivo extremamente competitivo.

A Chapecoense vai além das regras da etiqueta e do respeito ao receber os adversários que chegam em Chapecó para jogar como visitantes. No Arruda, todos guardam recordações nítidas da partida disputada no final de maio: a Chape cedeu seu próprio centro de treinamentos para que os corais pudessem treinar de maneira adequada. 

Antes, a cidade já havia surpreendido a delegação tricolor: o hotel estava completamente decorado com as cores preta, branca e vermelha e com o escudo do Santa Cruz. Algo para emocionar e lembrar por toda a vida.

Bastante emocionado, o vice-presidente do Santa, Constantino Júnior, resumiu dessa forma o sentimento dos tricolores: ‘Nosso pensamento e nossas energias estão voltadas tanto para as famílias e amigos daqueles que se foram quanto para os sobreviventes. Que todos encontrem forças, paz e tranquilidade para seguir adiante. É o que importa agora’.”

Entenda o acidente:

Ainda na madrugada desta terça-feira (29), a Rádio Caracol, da Colômbia, noticiou que a aeronave modelo RJ 80 sumiu dos radares nos arredores do município de Rionegro. O avião de matrícula CP2933 decolou da Bolívia, onde a delegação da Chapecoense, além de convidados e membros da imprensa, fez uma escala, mas apresentou problemas elétricos entre os municípios de La Ceja e La Unión.

Os goleiros Danilo e Jackson Follmann, o lateral esquerdo Alan Ruschel e o zagueiro Neto foram resgatados, além de uma auxiliar de voo que ainda não foi identificada, e Rafael Henzel, jornalista da Rádio Oeste Capital.

Segundo a apuração do Esporte Interativo, Alan Ruschel e dois tripulantes estão no Hospital Sommer. O jogador sofreu fraturas na lombar e na coluna, está em estado crítico. No Hospital San Vicente de Paúl está Jackson Follmann, que está vivo e teve uma perna amputada. O Hospital San Juan de Díos de la Sierra diz que o goleiro Danilo não resistiu. O zagueiro Neto sofreu um trauma na cabeça e também está em estado grave. Após encontrar 71 corpos, a polícia deu por encerrada as buscas. No total, 77 pessoas embarcaram na aeronave.

Notícias

Futebol Nordeste

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP