Futebol Nordeste

Marcelo Sant'Ana se solidariza com Chapecoense e planeja 2017 do Bahia

Presidente relembrou atletas que passaram pelo Bahia e vieram a falecer

Futebol Nordeste POR Futebol Brasileiro
Marcelo disse que não vai abrir mão de jogadores com contrato com o Bahia (Foto: Divulgação/E.C.Bahia)
Marcelo disse que não vai abrir mão de jogadores com contrato com o Bahia (Foto: Divulgação/E.C.Bahia)

O momento não é para falar de planejamento dos clubes para o ano que vem e sequer entrar em assunto de contratações para a próxima temporada. Depois da tragédia no voo da Chapecoense, o futebol brasileiro e o país como um todo, estão de luto pela perda de 71 vítimas.

Neste clima bastante ruim, o presidente do Bahia concedeu entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (01), ainda de luto, e antes de mencionar qualquer coisa sobre o clube, deixou sua solidariedade e homenagem a todos os jogadores e pessoas que se foram com a tragédia nas proximidades de Medellín, na Colômbia.

“Queria deixar registrada a solidariedade do Bahia com Chapecó e com todo o clube da Chapecoense pela tragédia de terça (28). Aqui também tem sido complicado também porque cinco pessoas da comissão técnica vieram da Chapecoense no meio do ano. Um auxiliar era primo do técnico e fora os profissionais que passaram por aqui. O próprio Caio Júnior, o Ananias foi criado no clube, era a pessoa com quem mais tínhamos relação afetiva… O Thiego e o Anderson (Paixão) passaram por aqui”.

Depois de registrar sua homenagem às pessoas que se foram, o presidente passou a comentar sobre as especulações sobre saídas de atletas do Bahia. A princípio, segundo o mandatário, não há a expectativa de vender nenhum atleta, mesmo que Juninho, Hernane e Renato Cajá tenham sido especulados em várias equipes desde o fim da Série B.

“Juninho tem contrato até o ano que vem com o Bahia. Cajá até 2017. Hernane até o final de 2018. Bahia não tem necessidade de se desfazer de nenhum dos seus atletas. Pode negociar alguém? Pode por uma circunstância de mercado. É desejo negociar alguém? Não é desejo do Bahia negociar nenhum de seus atletas”.

O que mais foi perguntado ao presidente foram coisas acerca da formação do elenco para a próxima temporada. Entre os jogadores que conquistaram o acesso pelo Bahia, muitos estavam emprestados e outros têm o vínculo encerrando no final deste ano. Entre os que jogavam com mais regularidade, o contrato de Muriel, Moisés, Tiago, Luiz Antônio, Edigar Junio, Allano, entre outros.

“Dos atletas que terminam o contrato, acredito que entre cinco e sete a gente tem interesse. São jogadores que têm contrato ativo com suas equipes”.

Ainda sobre o planejamento, Marcelo disse qual a expectativa sobre o número de jogadores para o decorrer da temporada e ressaltou a importância de um elenco numeroso para o início da competição, quando disputará Copa do Brasil, Copa do Nordeste e Estadual.

“O Bahia deve ter um elenco próximo a 30 jogadores no início da temporada. Talvez um pouquinho mais porque o calendário aperta muito nesse início de ano. Caso o Bahia chegue nas finais da Copa do Nordeste, elas coincidem com as primeiras rodadas da Série A”.

 


Notícias

Futebol Nordeste

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP