Lutas

A Era do Aranha: relembre as dez defesas consecutivas do cinturão de Anderson Silva

Há dez anos, Anderson Silva conquistava o cinturão dos médios do UFC; até hoje, ninguém possui mais defesas consecutivas de título que o brasileiro

Lutas POR Conteúdos Especiais

Por: Fernando Keller

LAS VEGAS - OCTOBER 14: (R-L) Rich Franklin kicks Anderson Silva at UFC 64 at the Mandalay Bay Events Center on October 14, 2006 in Las Vegas, Nevada. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

Nesta sexta-feira (14), completam-se dez anos da conquista do cinturão dos médios por Anderson Silva. O brasileiro tornou-se campeão ao nocautear Rich Franklin com uma joelhada na luta principal do UFC 64, já em sua segunda aparição no octógono.

Clique aqui e assista ao MELHOR do MMA nacional e internacional, AO VIVO e EXCLUSIVO

A conquista dava início à Era Spider, a mais vitoriosa e brilhante da história da organização. Anderson defendeu o título com sucesso por incríveis dez vezes, recorde mantido até hoje no Ultimate.

Relembre, na lista abaixo, todas as dez defesas de título do Spider.

  1. Nate Marquardt
SACRAMENTO, CA - JULY 7: Anderson Silva (yellow/black tight shorts) def. Nate Marquardt (green shorts) - TKO - 4:50 round 1 during UFC 73 at Arco Arena on July 7, 2007 in Sacramento, California. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Logo após conquistar o cinturão contra Rich Franklin, Anderson Silva enfrentou Travis Lutter, mas a luta acabou não sendo válida pelo título, já que Lutter não bateu o peso. A primeira defesa de fato veio cinco meses depois, contra Nate Marquardt, no UFC 73, em julho de 2007.

Anderson não tomou conhecimento do duro oponente, que vinha embalado por seis vitórias consecutivas e venceu por nocaute técnico ainda no primeiro round.

2. Rich Franklin

CINCINNATI,OH - OCTOBER 20: Anderson Silva (yellow/black tight shorts) def. Rich Franklin (orange/black shorts) - TKO - 1:07 round 2 during the UFC 77 at US Bank Arena on October 20, 2007 in Cincinnati, Ohio. (Photo by: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Ainda em 2007, a segunda defesa, dessa vez contra um adversário já conhecido. Após perder o título para Anderson, Franklin conseguiu duas vitórias consecutivas e se credenciou para a revanche imediata.

No entanto, o desfecho foi mesmo. Dessa vez no segundo round, Franklin encontrou o joelho de Anderson e sofreu o nocaute técnico.

3. Dan Henderson

COLUMBUS,OH - MARCH 1: Anderson Silva (black/yellow tight shorts) def. Dan Henderson (blue/orange shorts) - Submission (rear naked choke) - 4:52 round 2 during the UFC 82 - Pride of a Champion at Nationwide Arena on March 1,2008 in Columbus,Ohio. (Photo by: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Na terceira defesa de título, mais uma lenda. Anderson Silva enfrentou o ex-campeão do PRIDE Dan Henderson, e mais uma vez mostrou que estava no caminho para se tornar um dos maiores de todos os tempos.

Anderson finalizou Dan Henderson com um mata-leão no segundo round, ganhando os prêmios de luta e finalização da noite.

4. Patrick Coté

CHICAGO,IL - OCTOBER 25: Anderson Silva (black/yellow shorts) def. Patrick Cote (white/red shorts) - TKO - :39 round 3 during the UFC 90 at Allstate Arena on October 25,2008 in Chicago,Illinois. (Photo by: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Três meses após fazer sua primeira superluta na categoria dos meio-pesados, contra James Irvin, Anderson retornou aos médios para defender o título pela quarta vez, contra o Patrick Coté. No início do terceiro round, o canadense sofreu uma lesão no joelho e garantiu a quarta defesa bem sucedida do Spider.

5. Thales Leites

MONTREAL - APRIL 18: Anderson Silva (black/yellow shorts) def. Thales Leites (blue/white shorts) - Unanimous Decision during UFC 97 at Bell Centre on April 18, 2009 in Montreal, Quebec, Canada. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

A quinta defesa do cinturão de Anderson Silva foi uma das mais polêmicas. Contra o também brasileiro Thales Leites, especialista em jiu-jitsu, Anderson passou longe de fazer uma luta brilhante, abusou das provocações contra o compatriota e foi pouco efetivo, mas fez o suficiente para garantir a vitória por decisão unânime e quebrar o recorde de vitórias consecutivas no UFC, com nove triunfos.

6. Demian Maia

ABU DHABI, UNITED ARAB EMIRATES - APRIL 10: Anderson Silva (black/yellow) def. Demian Maia (white shorts) - Unanimous Decision during UFC 112 at Yas Island on April 10, 2010 in Abu Dhabi, United Arab Emirates. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Mais um brasileiro especialista em jiu-jitsu no caminho de Anderson, mais uma defesa de cinturão com muita polêmica. Anderson provocou ainda mais do que contra Thales, lutou ainda menos, mas encontrou pela frente um Demian também passivo, que buscava apenas oportunidades de levar a luta pro solo. Resultado: um combate extremamente vaiado e alvo de muitas críticas, inclusive de Dana White, no main event da primeira edição do UFC em Abu Dhabi na história. No octógono, vitória de Anderson por decisão unânime. Apesar das polêmicas, o Spider batia mais um recorde, com seis defesas consecutivas de título.

7. Chael Sonnen

OAKLAND, CA - AUGUST 07: Chael Sonnen punches Anderson Silva while on the ground during the UFC Middleweight Championship bout at Oracle Arena on August 7, 2010 in Oakland, California. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Provavelmente a defesa de cinturão mais heróica de Anderson Silva. Com a costela quebrada, Spider enfrentou um inspirado Chael Sonnen, que fez uso de seu wrestling e anulou completamente o brasileiro, dominando a luta por quatro rounds e meio. Quando tudo parecia perdido, Anderson encontrou um triângulo milagroso, conseguiu a finalização e defendeu o título pela sétima vez, em uma das maiores viradas da história do MMA.

8. Vitor Belfort

LAS VEGAS, NV - FEBRUARY 05: (R-L) Anderson Silva lands a kick to the jaw of Vitor Belfort that knocked out the Brazilian challenger at UFC 126 at the Mandalay Bay Resort and Casino on February 5, 2011 in Las Vegas, Nevada. (Photo by James Law/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: James Law/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

A luta do século. Apesar das sete defesas de título, Anderson entrava para essa disputa de cinturão de certa forma como coadjuvante, já que Vitor Belfort já era há muito tempo um dos lutadores mais populares do país. Após muita provocação entre os dois e uma encarada memorável, veio um dos maiores nocautes de todos os tempos no UFC. Com um pisão frontal certeiro no rosto do carioca, Anderson conquistava a oitava defesa de título.

9. Yushin Okami

RIO DE JANEIRO, BRAZIL - AUGUST 27: (R-L) Anderson Silva moves in for the finish against Yushin Okami after knocking him down in the UFC Middleweight Championship bout at UFC 134 at HSBC Arena on August 27, 2011 in Rio de Janeiro, Brazil. (Photo by Al Bello/Zuffa LLC/[Zuffa LLC via Getty Images)
Foto: Al Bello/Zuffa LLC/[Zuffa LLC via Getty Image

UFC 134. Retorno do UFC ao Brasil após 13 anos. Oportunidade de vingança. Yushin Okami era o responsável pela última derrota da carreira de Anderson na época, quando o Spider foi desqualificado por um golpe ilegal no japonês, ainda no Rumble on the Rock.

A vingança veio, e junto com ela o show. Anderson demonstrou claramente que poderia acabar com a luta quando quisesse, mas estendeu o show até o segundo round, para o delírio do público, que viu Spider fazer história e conseguir a nona defesa consecutiva do cinturão.

10. Chael Sonnen

Foto: Al Bello/Zuffa LLC/[Zuffa LLC via Getty Image
Foto: Al Bello/Zuffa LLC/[Zuffa LLC via Getty Image

Uma luta tão memorável como a primeira entre Anderson Silva e Chael Sonnen não poderia ficar sem revanche. E não ficou.

Em julho de 2012, quase dois anos após a primeira luta entre eles, os rivais voltaram se enfrentar com muito mais provocação envolvida, principalmente da parte do falastrão Chael Sonnen.

O americano até esboçou repetir a atuação da primeira luta no primeiro round, quando dominou o brasileiro, mas sucumbiu logo no segundo após escorregar bizarramente e sofrer uma dura joelhada seguida de uma sequência de socos que garantiram a Anderson a nona sa de cinturão.

Veja também: NOCAUTE DO ANO? Teve isso em evento de MMA nacional!


Notícias

Lutas

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP
;