Melhor Futebol do Mundo

No dia dos treinadores, relembramos 10 dos maiores 'professores' do futebol europeu

De Matt Busby a Alex Ferguson, de Rinus Michels a Guardiola, e passando por Mourinho, Ancelotti e Zidane. Veja alguns dos técnico que deram aula de futebol

Melhor Futebol do Mundo POR Melhor Futebol do Mundo

Neste sábado, 14 de janeiro, é comemorado o dia dos treinadores. Uma das funções fundamentais do futebol, os técnicos possuem não apenas o trabalho de organizar e montar um time. Os grande comandantes precisam ter o que se chama de ‘grupo nas mãos’, e para isso exercitam suas aptidões como professores, psicólogos e alguns funcionam até mesmo como ‘pais’ para alguns jogadores.

United, City, Liverpool, Leicester ou Chelsea? Qual o maior da Inglaterra? Clique e vote agora!

Resolvemos enumerar então 10 dos maiores técnicos de todos os tempos do futebol europeu:

1) Alex Ferguson

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Em 37 anos, Sir Alex venceu todos os títulos possíveis pelo Manchester United. Só do Campeonato Inglês foram 13 conquistas, o que colocou os Diabos Vermelhos como o clube com mais títulos na Inglaterra.

Ferguson foi o responsável por recuperar o orgulho do torcedor do United, e teve como ponto máxima da carreira as duas conquistas de Liga dos Campeões (em 1998/99 e 2007/08). Ao todo foram 38 títulos oficiais pela equipe de Old Trafford.

2) Matt Busby

gettyimages-1631075

Antes de Alex Ferguson, o grande professor que havia passado por Old Trafford era Matt Busby. Escocês, assim como Ferguson, fez do Manchester United um clube realmente gigante.

Revolucionou o futebol inglês ao ser o primeiro treinador a exigir autonomia para contratar e negociar jogadores, criando assim a função de “manager”.

Entre 1945 e 1969, período em que ficou à frente do United, criou duas gerações vencedoras. A primeira, conhecida como “Busby Babies”, conquistou o Campeonato Inglês em 1952 e 1956. Algo que não acontecia desde 1911.

Boa parte dessa geração, porém, desapareceu no acidente aéreo de Munique em 1958. Matt Busby foi um dos sobreviventes e reconstruiu o United. Com a geração de Denis Law, George Best e Bobby Charlton (outro sobrevivente de 1958) conquistou a Liga dos Campeões em 1968.

3) Zinedine Zidane

MILAN, ITALY - MAY 28: Real Madrid head coach Zinedine Zidane shows the trophy after winning the UEFA Champions League Final match between Real Madrid and Club Atletico de Madrid at Stadio Giuseppe Meazza on May 28, 2016 in Milan, Italy. (Photo by Matthias Hangst/Getty Images)
(Foto: Matthias Hangst/Getty Images)

Em apenas um ano como treinador do Real Madrid, o francês já conquistou a Liga dos Campeões, a Supercopa da Europa e o Mundial de Clubes. Quando assumiu o clube no lugar de Rafa Benítez em janeiro de 2016, muitos o viam como um interino. Mas o trabalho de Zidane superou todas as desconfianças. Sob o comando de Zizou, o Real perdeu apenas dois jogos até o momento e estabeleceu a marca de 40 jogos sem perder. Um recorde no futebol espanhol.

4) Brian Clough

gettyimages-1633558

Técnico de personalidade forte, este inglês se notabilizou por conduzir ao sucesso duas pequenas equipes inglesas: Derby county e Nottingham Forest.

Começou a chamar a atenção do país ao tirar o Derby da Segunda Divisão no fim dos anos 60. Na década seguinte conduziu o time ao título inglês na temporada 1971/72.

Após um rápido e fracassado período no comando do Leeds United, chegou a Nottingham. Pelo Forest, surpreendeu o país com o título inglês da temporada 1978/79 e a Europa inteira com as conquistas da Liga dos Campeões em 1979 e 1980.

5) José Mourinho

MANCHESTER, ENGLAND - SEPTEMBER 24: Jose Mourinho, Manager of Manchester United makes his way to the tunnel after the final whistle during the Premier League match between Manchester United and Leicester City at Old Trafford on September 24, 2016 in Manchester, England. (Photo by Laurence Griffiths/Getty Images)
(Laurence Griffiths/Getty Images)

O Special One é um dos maiores treinadores da atualidade. Iniciou como tradutor e auxiliar do treinador inglês Bobby Robson no Porto e no Barcelona.

A carreira como treinador começa como interino no Benfica. Os Encarnados não renovam com Mourinho ao fim da temporada e ele segue para o União de Leiria. Em 2002 passa para o Porto e o resto é história.

Campeão da Liga dos Campeões em 2004, desembarca após a conquista em Stamford Bridge. Pelo Chelsea, conduz a equipe a dois títulos ingleses. Algo que não acontecia havia 50 anos.

Em 2008 assume a Internazionale e consegue com o clube italiano a Liga dos Campeões em 2010, título que o Chelsea tanto ambicionava e que Mourinho não havia conseguido dar.

Depois do sucesso com a Inter, chegou ao Real Madrid. Apesar do forte investimento, assim como no Chelsea, a Liga dos Campeões não foi alcançada. No Santiago Bernabéu, Mou ganhou um título espanhol e uma Copa do Rei.

De volta ao Chelsea, Mourinho conquistou mais um título inglês. No início desta temporada o português desembarcou em Old Trafford com a responsabilidade de fazer o Manchester United voltar aos tempos de sucesso de Alex Ferguson.

6) Bob Paisley

LIVERPOOL, ENGLAND - NOVEMBER 09: Liverpool fans show off a Bob Paisley banner prior to the Barclays Premier League match between Liverpool and Birmingham City at Anfield on November 9, 2009 in Liverpool, England. (Photo by Alex Livesey/Getty Images)
(Alex Livesey/Getty Images)

O treinador inglês só trabalhou em uma equipe durante toda a sua carreira: o Liverpool. Entre 1974 e 1983, quando esteve no comando, os Reds se transformaram no maior clube da Europa.

É o único treinador a ter conquistado a Liga dos Campeões três vezes em um mesmo time: 1977, 1978 e 1981. Além do sucesso continental, levou o Liverpool ao título inglês nas temporadas 1974/75 e 1977/78. Conquistou ainda a Copa da Uefa (atual Europa League) na temporada 1975/76.

7) Pep Guardiola

(Foto: Barrington Coombs/Getty Images)
(Barrington Coombs/Getty Images)

O atual técnico do Manchester City é considerado o grande rival de José Mourinho. Pep Guardiola é um treinador cujo nome se confunde com o estilo do “tic-taca”, que foi a maneira de jogar aplicada por ele no Barcelona entre 2008 e 2012.

A rivalidade com Mourinho teve como pano de fundo os clássicos contra o Real Madrid. Atualmente ambos mantém essa disputa acesa em Manchester.

Considerado por muitos como um revolucionário, e por outros como o criador de um estilo chato de jogo, Guardiola levou o Barça ao maior período de sua história. Entre as conquistas mais destacadas estão duas Ligas dos Campeões (2009 e 2011), três títulos espanhóis (2009, 2010 e 2011) e dois mundiais.

Após passar um ano sabático, assumiu o Bayern de Munique em 2013. Apesar de ter conquistado um tricampeonato alemão (2014, 2015 e 2016), não conseguiu levar à Baviera o título da Liga dos Campeões.

8) Rinus Michels

1987: Portrait of Holland Trainer Rinus Michels after the European Championship match against Hungary. Holland won the match 2-0. Mandatory Credit: David Cannon/Allsport
(David Cannon/Allsport)

O homem que inventou o “futebol total”. Como técnico do Ajax conquistou a Liga dos Campeões na temporada 1970/71, no time que tinha Cruyff e Neeskens.

Dois jogadores que também fariam parte da incrível seleção holandesa que encantou na Copa de 1974. Com um estilo onde todos os jogadores marcavam, defendiam e atacavam, o Carrossel Holandês só foi vencido pela Alemanha Ocidental de Franz Beckenbauer na decisão.

Michels também foi treinador de Cruyff no Barcelona, clube onde chegou em 1971. Foi o holandês que ajudou a plantar a semente do estilo de jogo do Barça atual.

9) Carlo Ancelotti

6º - Carlo Ancelotti - Real Madrid (Até junho) (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Substituto de Guardiola no Bayern de Munique, Ancelotti é um dos “professores” mais queridos do futebol mundial pela maneira como trata os seus jogadores.

Sua carreira como técnico começou a ter destaque no Milan, clube que assumiu em 2001. Comandou a equipe nos títulos da Liga dos Campeões nas temporadas 2002/03 e 2006/07, além de ter levantado o Mundial de Clubes em 2007.

Em 2009 mudou-se para o Chelsea com a responsabilidade de conseguir o título europeu que José Mourinho não havia alcançado. Em sua primeira temporada conquistou o título inglês e a Copa da Inglaterra, mas o título europeu escapou.

Dois anos depois assumiu o Paris Saint-Germain como parte do projeto dos novos donos do clube em fazê-lo grande a nível continental. Conquista o Campeonato Francês na temporada 2012/13, mas deixa o clube aceitando um convite do Real Madrid.

Pelo clube espanhol, Ancelotti se iguala a Bob Peasley como técnico a ter três conquistas de Liga dos Campeões. Feito alcançado com o Real na temporada 2013/14. Em meados de 2015 foi dispensado pelo clube após terminar como vice-campeão espanhol. Em julho de 2016 assumiu o Bayern de Munique.

10) Johan Cruyff

1996: Portrait of Barcelona Manager Johan Cruyff in the dug out during a match. Mandatory Credit: Clive Brunskill/Allsport
(Clive Brunskill/Allsport)

Se Rinus Michels foi quem plantou a semente, Cruyff foi responsável por cuidar da planta e transformá-la em árvora. O ex-jogador holandês aprendeu tudo com o seu “professor” e repassou os ensinamentos aos seus pupilos quando virou técnico.

Como defensor do futebol dinâmico e vistoso, Cruyff conduziu o Barcelona a quatro títulos espanhóis e ao primeiro título da Liga dos Campeões da história do clube em 1992. Aquele período ficou conhecido na Catalunha como Dream Team.

Assim como havia aprendido com Rinus Michels, Cruyff passou o seu legado para um de seus comandados. O responsável por absorver esses ensinamentos foi Pep Guardiola.

Presidente da Fifa confirma que Copa do Mundo pode ter até 48 seleções: 


Notícias

Melhor Futebol do Mundo

Programação da TV

Fundamos o Esporte Interativo em 2007 para ser uma empresa dedicada a produzir e distribuir conteúdo esportivo em múltiplas plataformas e para estar perto do apaixonado por esportes, onde ele estiver. Por isso, falamos com a linguagem do torcedor, com paixão e emoção. Foi assim que escolhemos e nos orgulhamos dessa decisão, em todas as mídias que estamos presentes.

© 2014 ESPORTE INTERATIVO. Todos os Direitos Reservados.

Powered by WordPress.com VIP
 ;